notícias

RS vende a gasolina mais cara da região Sul

RS vende a gasolina mais cara da região Sul

13

março

  Porto Alegre registra quinto valor mais alto entre capitais, conforme apuração da ANP   O Rio Grande do Sul segue com o preço da gasolina para o consumidor bem acima da média brasileira, de acordo com nova tabela de preços praticados, divulgada nesta segunda-feira pela Agência Nacional do Petróleo (ANP). Na comparação com a região Sul, o combustível no Estado fica ainda mais caro. O preço médio nos postos gaúchos é de R$ 4,333, enquanto Santa Catarina pratica uma média de R$ 3,919. Em todo o Sul do Brasil, o preço médio é de R$ 4,137. No país, a média de preços fica em R$ 4,189. Na comparação dos preços máximos, a diferença para Santa Catarina é ainda maior, com R$ 4,889 contra R$ 4,458 dos postos catarinenses. O valor é o máximo praticado em toda a região Sul. A margem média colocada sobre os postos, em relação à compra na distribuidora, é de R$ 0,428 contra R$ 0,359 em Santa Catarina e R$ 0,352 no Paraná. O maior preço encontrado em território brasileiro ocorre no Rio de Janeiro, com R$ 5,199 nos postos de Angra dos Reis. O comparativo dos municípios gaúchos mostra Caxias do Sul com a gasolina mais barata, com o menor preço em R$ 3,749 e R$ 4,025 de preço médio. O valor mais alto na cidade é R$ 4,399. Bagé vende o combustível mais caro: média de R$ 4.828 e máxima de R$ 4,889. O preço mínimo na localidade é R$ 4,770. Entre as capitais, Porto Alegre (R$ 4,352) só perde para Goiânia (R$ 4,455), Palmas (R$ 4,466), Rio de Janeiro (R$ 4,690) e Rio Branco (R$ 4,761). O preço mais baixo na Capital gaúcha é R$ 4,199 e o mais alto, R$ 4,490.