notícias

Frota promete entrar ajoelhado na Câmara se Bolsonaro e seus filhos ‘milicianos’ deixarem PSL

Frota promete entrar ajoelhado na Câmara se Bolsonaro e seus filhos ‘milicianos’ deixarem PSL

09

outubro

Vamos rezar para que ele vá para UDN ele os filhos o Milicianos Digitais os puxa saco os enganados que a UDN leve todos (as) vou fazer até uma promessa vou entrar ajoelhado na Câmara", ironizou o deputado Alexandre Frota sobre uma eventual saída de Jair Bolsonaro do PSL O deputado Alexandre Frota (PSDB-SP) ironizou a possibilidade de Jair Bolsonaro e seus filhos deixarem o PSL em meio à guerra interna travada com o presidente nacional do partido, Luciano Bivar.   Pelo Twitter, o deputado ex-bolsonarista fez até promessa se Bolsonaro migrar para o partido UDN. "Vamos rezar para que ele vá para UDN ele os filhos o Milicianos Digitais os puxa saco os enganados que a UDN leve todos (as) vou fazer até uma promessa vou entrar ajoelhado na Câmara", afirmou Frota.  Após Jair Bolsonaro escancarar a sua disposção em sair do PSL, atacando o presidente nacional da legenda, Luciano Bivar dizendo que "ele está queimado" e depois afirmar que o partido pode "queimar seu filme também", o fundandor e presidente da UDN – reedição da antiga União Democrática Nacional da época da ditadura militar que está em fase final de criação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) -, Marcus Alves disse que a sigla está de portas aberta ao clã (leia mais no Brasil 247). Os motivos dos ataques lançados nesta terça-feira (8) por Jair Bolsonaro contra o presidente nacional do PSL, Luciano Bivar, têm cifras milionárias. Para o ano de 2020, em que ocorrem eleições municipais, o PSL terá R$ 359 milhões à sua disposição, juntando os fundos Partidário e Eleitoral. É a maior quantia entre os partidos (leia mais no Brasil 247).