notícias

Cabo Daciolo é o quarto presidenciável a registrar candidatura no TSE

Cabo Daciolo é o quarto presidenciável a registrar candidatura no TSE

10

agosto

Cabo Daciolo é o quarto presidenciável a registrar candidatura no TSE Declaração de bens do candidato do Patriota ainda não é detalhada pela Justiça Eleitoral

O deputado federal Cabo Daciolo (Patriota-RJ) registrou, nesta quinta-feira, candidatura à Presidência da República no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Até agora, quatro presidenciáveis pediram inscrição à Justiça Eleitoral. O pleito de outubro deve ter 13 candidatos a presidente. A declaração de bens de Daciolo não é divulgada, no sistema do TSE, porque Daciolo optou pela opção “Nenhum bem a declarar”. Como candidata a vice, o Patriota inscreveu a professora Suelene Balduino. Na declaração de bens, ela discriminou R$ 201.855,75 entre um apartamento, veículo e conta bancária. Daciolo divulgou plano de governo com destaque para o investimento de 10% do PIB em Educação e pavimentação de 100% das rodovias federais, por exemplo. Nessa quarta-feira, o PSDB protocolou os pedidos de registro da chapa encabeçada pelo ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin, tendo a senadora gaúcha Ana Amélia Lemos (PP) como vice. Alckmin declarou R$ 1.379,131,70 em bens e Ana Amélia R$ 5.125.983,92. No início da semana, Vera Lúcia (PSTU) protocolou o registro de candidatura. Na declaração de bens, ela disse ter um terreno avaliado em R$ 20 mil. O vice do partido é Hertz Dias, que disse ter uma casa no valor de R$ 100 mil. O candidato pelo PSol, Guilherme Boulos, encaminhou o pedido para concorrer no primeiro dia de prazo. Sônia Guajajara é a candidata a vice. Boulos informou ter patrimônio de R$ 15,4 mil, valor cadastrado como veículo automotor terrestre. Sônia Guajajara declarou R$ 11 mil depositados em uma poupança. Com informações Dpto de Jornalismo - GUARITA AM/ Fonte: Portal Rádio Guaíba